Dia do Orgasmo: motivos pelos quais você não está chegando lá

Cátia Damasceno, colunista do site de COSMO, te dá as pistas.

Se tem um assunto que gera dúvidas – e que bom, porque precisamos falar disso – é orgasmo. Hoje (31/7) é Dia do Orgasmo e, por isso, vamos conversar sobre os motivos que estão jogando contra o seu prazer e te impedindo de desfrutar desse prazer.

 

Falta de autoconhecimento

Acredito muito que não importa o quanto o mundo evolua, esse continuará sendo o motivo principal. A mulher que não se conhece, que não se toca, não se masturba… ou seja, que não conhece o seu corpo físico, terá muita dificuldade para conseguir atingir o orgasmo. Essa falta de conhecimento sobre o próprio corpo, na maioria dos casos, ainda é resultado da criação que a maioria teve, onde o ato de se tocar era tido como sujo e errado, enquanto que nos homens era incentivado. Por isso o primeiro passo é se conhecer, conhecer o próprio corpo e o próprio prazer.

 

Falta de liberdade com o parceiro

Isso nos leva ao segundo motivo. Muitas vezes a mulher se conhece e inclusive sozinha, se masturbando, consegue chegar ao orgasmo. Porém com o parceiro isso não acontece. Ela não consegue dizer as coisas que a satisfazem e como gosta, e então na relação a dois não consegue chegar lá.

 

A vida moderna

De 1960 para cá a mulher vem conquistando mais e mais espaço e isso trouxe um outro peso. A mulher saiu para trabalhar e conquistar diversas coisas e isso faz com que ela esteja mais cansada.  Percebo que isso nos afasta do orgasmo, aliás nos afasta do sexo, porque é realmente muita coisa para fazer. As mulheres conquistaram mais, enquanto que os homens ainda não foram criados para dividir essa conquista com elas. E isso realmente atrapalha porque há em um acumulo de funções e cobranças.

 

Saúde

Como consequência do motivo acima, estamos numa era altos níveis de estresse, por conta de tanta correria dia a dia. Aumento nos casos de depressão, que se manifestam muito mais nas mulheres e os remédios para esta doença afetam a libido. E até os próprios anticoncepcionais, que trouxeram uma liberdade sexual para as mulheres, podem também influenciar no desejo sexual.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s