Tire suas dúvidas sobre o teste de gravidez

Nem sempre o teste de gravidez da farmácia é eficaz. Existe falso positivo? E se a menstruação não chegar, apesar de a varetinha indicar o contrário? NOVA vai além do que mostra a bula

A menstruação atrasou e o teste deu positivo, mas será que você está grávida mesmo?
Foto: Getty Images

Vocês transaram sem camisinha e, semanas depois, sua menstruação atrasou. Para algumas mulheres, imaginar um bebê a caminho é a melhor notícia do ano. Para outras, motivo de pânico. Em ambos os casos, a dúvida de estar ou não grávida gera altíssima expectativa. Será que ele tirou o pênis na hora H? Há chance de o ciclo estar desregulado? E essa angústia pelo resultado não é menor nas ávidas por um filho, que acham que a cegonha não ouve seus apelos. Para acabar, de um jeito rápido, com a aflição que já sufocou muitas de nós, inventaram o teste de farmácia.

Só na rede Drogaria São Paulo são vendidas cerca de 160 mil unidades de cinco marcas diferentes por ano. É simples assim: você compra o produto e segue as instruções – os mais baratos vêm com uma tirinha para ser mergulhada num pote plástico com a sua urina; os mais caros parecem termômetro e você deve jorrar o líquido direto na ponta dele. Dentro de cinco minutos, aparecerá uma linha, o traço de controle, indicando que o teste foi feito corretamente. Se surgir uma segunda, bebê à vista. Ou seja, o hormônio HCG (sigla em inglês para gonadotrofina coriônica humana), presente no organismo das grávidas e em grande quantidade na urina, reagiu com o anticorpo presente no teste.

Se pode haver falha? Dificilmente. “Esses testes [de farmácia] têm 99% de precisão, até uma linha bem clarinha já denuncia!”, responde a ginecologista Carolina Carvalho Ambrogini, especialista em sexualidade pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Mas, quando é você que está lá, no banheiro, recolhendo a primeira urina da manhã, passa longe da sua cabeça essa precisão de quase 100%. “A experiência é cercada por ansiedade”, garante o psicólogo Antonio Carlos Amador Pereira, psicoterapeuta e professor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Camila, de 24 anos, professora de educação física, que o diga: “Não consegui seguir as instruções direito de tanto que meu namorado ficava em cima”. E esse mix de expectativa com medo dá margem a várias dúvidas, que vamos solucionar agora.

“Meu ciclo menstrual é desregulado e o teste deu falso negativo”

Esse risco existe. Aconteceu com Ana, de 25 anos, agente de turismo. Até a primeira gravidez, sua menstruação era uma bagunça só. “Quando transei sem camisinha, fiquei perdida ao fazer os cálculos da fase fértil. Cinco dias depois, o teste de farmácia dava negativo. Passado um mês e meio, nada de menstruação. Refiz o teste de farmácia e, dessa vez, deu positivo. Me senti confusa, comprei outro e positivo de novo. Confirmei com o exame de sangue de laboratório, e estava esperando um filho.” A ginecologista Carolina Ambrogini explica que a dosagem de HCG ainda estava baixa na urina de Ana quando o resultado deu negativo. “O ideal é fazer o teste de farmácia 13 dias após a concepção – corresponde ao primeiro dia de atraso da menstruação para quem tem ciclo regular. Quando o período é desregulado, não é possível determinar a data exata. Então, se der negativo, melhor repeti-lo.” Ou fazer o exame de sangue Beta HCG, que acusa a presença do hormônio com mais precisão, cerca de dez a 12 dias depois que o óvulo foi fecundado. “Ele consegue rastrear quantidades ainda menores do hormônio no sangue”, completa a dra. Carolina.

“Tomo pílula. Ela altera o resultado?”

Sem chance. Tomar pílula anticoncepcional, antibiótico ou qualquer outra medicação não influencia o resultado do exame. A exceção são os hormônios receitados para tratamento de fertilidade.

“Tenho medo de que o resultado seja positivo e eu não esteja grávida”

O chamado falso positivo ocorre raramente, quando há hormônio HCG no organismo por outro motivo: presença de tumores como o de ovário ou endométrio. Fora essa exceção, ele é detectado no corpo feminino quando um embrião está se desenvolvendo. E tem funções importantes, como produzir progesterona até o terceiro mês de gestação e adaptar o corpo da mulher para os nove meses seguintes, deixando o útero receptível ao feto. Ele também é o agente que causa os enjôos e as dores de cabeça no primeiro trimestre.

“Não apareceu nenhuma linha no meu teste. E agora?”

Simplesmente você procedeu de um jeito diferente do indicado na bula. “Podem dar três resultados: positivo, se aparecem duas linhas; negativo, se aparece uma; e há ainda o errado, quando não aparece nenhuma”, explica Ernesto Leon, diretor da fabricante de teste de gravidez All American. Para não gastar dinheiro à toa, ele recomenda abrir a embalagem apenas na hora de usar, pois a umidade do ar pode manchar a tira.

“Os dois testes de farmácia (de marcas barata e cara) deram negativo. Só que a menstruação não veio. Estou grávida?”

Provavelmente não, embora seja importante procurar o médico para saber o que de fato está acontecendo com você. Há duas hipóteses que deve considerar: alterações hormonais (relacionadas a desordens da tireóide, por exemplo) ou tensão mesmo. Muitas mulheres passam por isso: basta entrar em pânico, por achar que está grávida ou por medo de ainda não ser dessa vez, para a danada não dar o ar da graça. “Você libera hormônios do stress, como o cortisol, que podem desregular o ciclo”, esclarece a dra. Carolina. Foi assim com a assistente de tráfego Patrícia, de 21 anos, que se culpava por ter feito sexo casual. “Minha menstruação estava atrasada havia mais de dez dias e eu, superansiosa. Quando a ginecologista me sugeriu agendar as consultas de pré-natal, então, fiquei desesperada”, relata. Ela arriscou fazer o teste de farmácia. Surpresa: a temida segunda linha não surgiu. Com Patrícia mais calma, seu período voltou ao normal no mesmo dia.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Simone Hashiguchi

    Quem pode me ajudar 😰😱
    Tive minha menstruação dia 28/10 até 02/11…
    Tive relação sem preservativo nos dias 05 e 15…
    Tive outra menstruação dia 24 a 29…mas veio em quantidade menor… no dia 2/12 fiz um teste de farmácia deu negativo…mas minha barriga tá num formato de gravidez,sinto umas coliquinhas no pé da barriga,as vezes enjôo nem sempre vomito,humor horrível tô bem depois já tô brava ..e ontem o bico do meu seio estava meio queimando apertei e saiu uma gotinha mas não com cor de leite se eu apertar continua sair essa gotinha…Como minha barriga tá estranha fiz um hemograma e exame de urina pra ver se era infecção ou rins…mas deu tudo ok…há possibilidade de estar grávida

    Curtir