O que o toque do seu celular diz sobre você

Discreta? Descolada? Cafona? Exibida? É, minha cara, o toque que você escolhe para o celular se transformou no mais novo cartão de visita que carrega por aí

O toque do seu celular pode espantar um paquera na hora!
Foto: Getty Images

SOM DA BALADA

Alternativa arriscada: “Quando ouço um celular tocando samba ou tecno, imagino na hora a garota em uma balada desse tipo”, revela Cássio Mairinque, 29 anos, designer. “E imediatamente penso se ela tem ou não a ver comigo.” Em outras palavras, você pode atrair pretendentes ou afastar os que não curtem o mesmo estilo de som. “Dependendo da música, confirmo minha impressão e me aproximo. Mas se ouço um pancadão, por exemplo, dificilmente chego junto”, conta o advogado Daniel Oliveira, 30 anos.

TRADICIONAL TRIM-TRIM

Essa opção, assim como a de deixar o aparelho no modo silencioso ou vibratório, a faz parecer discreta e objetiva. “No escritório, várias colegas optam por toques marotos”, diz o analista de marketing Fabio Vendramini, 33 anos. “Mas acho que os tradicionais incomodam menos.”

TEMA DE SERIADO OU FILME

Escolher a canção de abertura de Sex and the City pode virar um código e fazer você conhecer quem também é fã do quarteto. Mas não significa que usar um toque à la 007 é um bom negócio para atrair os homens. “A feminilidade está em cada detalhe da mulher”, analisa Pablo Martini, 34 anos, empresário. “Outro dia vi uma garota linda passar e, quando o celular dela tocou, ouvi ‘Tropa de elite, osso duro de roer…’ Perdi o tesão na hora”, conta Pablo.

TOPO DA PARADA DE SUCESSOS

Se você sempre baixa a música que está bombando nas rádios, pode se dar bem na paquera. “Acho legal ver que ela escolheu um som estiloso, tipo Coldplay ou Jamie Cullum”, fala Adolfo Machado, 23 anos, analista de trade marketing. “A gata ganha um ar descolado.” Se bem que o tiro pode sair pela culatra, caso paquere um homem que prefira outro tipo de som. “Trabalhava com uma garota que adorava música sertaneja”, lembra João Victor Guedes, 26 anos, advogado. “Sempre que o celular tocava, ouvia: ‘E hoooje eu te amoooo… Não vou negaaar’ (de Victor & Leo). Achava insuportável.”

FRASE DE IMPACTO

“Atende o telemóvel!” ou “Maria, alguém te liga” podem ser escolhas ousadas – e perigosas. O mesmo vale para som de animais. “Estávamos em um grupo de amigos e na mesa ao lado havia uma mulher com um celular que tocava toda hora, com um mugido de vaca!”, diz Paulo Taddone, 31 anos, analista de seguros. “Não preciso dizer que ela virou motivo de piada.” Tem mais: se o toque chama seu nome, pode dar a impressão de que faz o tipo exibida que deseja ser reconhecida na multidão…

TOQUE PERSONALIZADO

Esse ganha nota 10 no quesito criatividade. “Acho legal eleger um toque diferente”, diz Marcio Moreira, 29 anos, consultor jurídico. “Gosto dos que parecem modernos e ao mesmo tempo sutis, meio low profile. As que apostam nesses têm mais chances comigo”, fala ele. Pode ser uma música que tem tudo a ver com o seu estilo de vida, uma canção composta por você mesma… João Victor concorda: “Acho bom ouvir sons personalizados; descontrai o ambiente e dá a ideia de que a mulher é animada e descontraída”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s