10 substituições bem estranhas que já rolaram nas séries

Sabe aquela história de que não se mexe em time que está ganhando? Nem sempre isso acontece na tevê. Vem lembrar algumas trocas que a gente preferia que tivessem ficado no banco de reservas!

Seja por indisponibilidade do ator, climão no set ou decisão criativa, muitas produções precisam lidar com o buraco no roteiro deixado por alguns personagens. Para não apelarem para o recasting (colocar outro ator no lugar interpretando o mesmo papel – alô, Um Maluco no Pedaço!), as dez séries a seguir fizeram substituições, no mínimo, curiosas. Vem ver! 

Patrick Dempsey por Martin Henderson em Grey’s Anatomy

Divulgação

Divulgação

Com a morte de McDreamy na temporada passada, por motivos ainda meio pouco esclarecidos off-camera, Meredith está solteira novamente. Embora a criadora da série, Shonda Rhimes, jure de pés juntinhos que este momento serve para a personagem se redescobrir sem nenhum cara por perto, há um novo médico gato no Grey Sloan Memorial Hospital. Não dá para negar as semelhanças entre os dois… Mas não será cedo demais para empurrar outro McHottie? Fãs têm demonstrado rejeição à possibilidade em fóruns online. Depois de dois episódios no ar, o Dr. Riggs vivido por Henderson já deixou ânimos exaltados também na série: ele divide um passado cheio de rancor e mistério com Owen Hunt.

Zooey Deschanel por Megan Fox em New Girl

Divulgação

Divulgação

A gravidez de Zooey Deschanel fez os produtores de New Girl planejarem alguns ajustes para acomodar a sua licença-maternidade. Zooey deixou 5 episódios gravados para a estreia da quinta temporada em janeiro, mas só poderá voltar à pele de Jess bem mais para a frente, o que motivou a entrada de uma substituta nada adorkable: Megan Fox. Sim, a promessa é de que a gata ocupe temporariamente o quarto de Jess no loft e deixe os caras loucos por ela. E nós ficamos loucaaas tentando entender esta decisão nada óbvia – só resta esperar que seja divertida!

John Francis Daley por John Boyd em Bones

Divulgação

Divulgação

A entrada de Sweets na terceira temporada já era em si uma substituição bizarra: ela foi programada para cobrir a saída de Zack, o assistente nerd e querido de Brennan. Agora, foi a vez de John Francis Daley deixar a série para focar em sua carreira de roteirista e diretor (é dele a franquia de comédia Quero Matar Meu Chefe). O problema todo foi: como se não bastasse o choque da tristíssima morte do psicólogo, Bones engatou no mesmo episódio a chegada de John Boyd com o novo parceiro de Booth, James Aubrey. Não é à toa que os fãs estejam ainda tão relutantes em abraçar o personagem! 

Charlie Sheen por Ashton Kutcher em Two and a Half Men

Divulgação

Divulgação

Não fica mais estranho do que isso: após demitir Charlie Sheen por seu mau comportamento no set e com a imprensa, Chuck Lorre resolveu desafiar toda a lógica de Two and a Half Men e matar Charlie Harper. O personagem não era só grande parte da graça da série, mas também uma versão do próprio Sheen – o que deixou ainda mais difícil imaginar como as tramas continuariam sem ele. E aí Ashton Kutcher entra em cena como Walden Schmidt, um bonitão rico e… romântico. Transformar Alan, que vimos ser mais ingênuo por anos, em um professor de pegação pra ele foi difícil de engolir. E a série perdeu o equilíbrio.

Paul Schneider por Rob Lowe em Parks and Recreation

Divulgação

Divulgação

Paul Schneider, o Mark Brendanawicz, revelou ao ScreenRant que pediu demissão do elenco de Parks & Recreation no final da segunda temporada por acreditar que seu personagem tinha se afastado demais do propósito inicial. Seu sarcasmo deu lugar à entrada definitiva da empolgação de Chris Taeger, o auditor de Pawnee vivido por Rob Lowe. A série não sofreu criativamente com a troca e Lowe acrescentou muito ao ritmo de Parks & Rec, mas a escolha não deixa de ser surreal, já que os personagens não têm absolutamente nada em comum e não trazem pesos semelhantes para as narrativas!

Steve Carrell por James Spader em The Office

Divulgação

Divulgação

Outra escolha estranha criativamente: quando o irônico e leve Michael Scott se despediu da chefia de The Office após sete anos, a série optou por colocar James Spader (conhecido por personagens durões, como o Red de The Blacklist) no comando do escritório. O ator viveu o CEO Robert California, mas acabou sendo uma escolha tão dissonante do espírito da produção que, no seu último ano, ela foi abandonada. A chefia ficou então nas mãos do promovido Jim, que já era querido e conhecido pelo público.

Zach Braff por Kerry Bishé em Scrubs

Divulgação

Divulgação

Em uma tentativa de renovar o espírito da série e dar fôlego para próximas tramas, o elenco de Scrubs foi quase totalmente substituído em seu último ano: saem J.D. (Zach Braff) e sua turma e entram os novos internos e residentes do hospital, sendo Lucy (Kerry Bishé) a principal deles. O problema? Scrubs nunca foi um E.R. ou Law & Order, cujas identidades são baseadas no formato e não nos personagens. Se você tira o narrador da série e desmancha as relações afinadas na telinha, como esperar que o público se reapaixone rapidamente pelo que está assistindo? A dança das cadeiras foi tão estranha que os antigos personagens voltaram ao final da temporada para concluir a história e se despedir da série cancelada.

Tropher Grace por Josh Meyers em That ’70s Show

Divulgação

Divulgação

Tropher foi o protagonista e cola da gangue de That ’70s Show como o fofo e loser Eric Forman durante seus sete primeiros anos. Mas, como o ator pediu para se afastar da produção e fazer apenas participações especiais na 8ª temporada, os criadores resolveram trazer um personagem de tom semelhante: Randy, colega de trabalho de Hyde. Epic fail! A rejeição foi tão forte que se você digitar o nome de Josh Meyers ou do personagem no Google, a palavra sugerida a seguir é “hate” (ódio) até hoje. Foi um pouco demais para o coração de qualquer fã colocarem, de cara, o substituto namorando Donna, a eterna ex de Eric. 

David Duchovny por Robert Patrick em Arquivo X

Divulgação

Divulgação

Tem troca que é um desastre anunciado: com a ausência de David Duchovny durante os dois últimos anos da série, Robert assumiu a parceria com Scully como o agente do FBI John Dogget. A troca teria acontecido porque David desejava mais tempo fora do ar para investir em sua carreira e, então, foi tomada a decisão de que Mulder teria sido abduzido. Suas aparições foram reduzidas a participações, deixando os fãs superapaixonados de Arquivo X decepcionados com a mudança drástica no ritmo dos episódios. Não dá para separar um casal principal, né?

Shannen Doherty por Tiffani Thiessen em Barrados no Baile

Divulgação

Divulgação

Shannen é conhecida por seu temperamento difícil. Depois de – reza a lenda – ter sido demitida de Barrados no Baile no auge de seu sucesso, no final da 4ª temporada, a atriz ainda deixou Charmed por conta de dificuldades com a equipe. Para trazer a pimenta de Brenda Walsh de volta ao time, os produtores criaram Valerie Malone, uma amiga da família de Minnesota que ganhou vida nas mãos de Tiffani Thiessen. Só que não dá simplesmente trocar uma garota-enxaqueca por outra: apesar de Valerie ter se mantido na série quase até o final, ela nunca despertou no público a mesma empatia de Brenda. Enquanto a primeira era puro drama e movimento, uma pré-Marissa Cooper, a segunda inspirava tramas mais arrastadas. Não deu!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s