“Não Mereço Ser Estuprada”: Campanha ganha força entre homens e mulheres

O resultado de uma pesquisa do Ipea que mostrou que 65% dos brasileiros acham que mulheres de roupa curta merecem ser atacadas causou uma onda de protestos na internet. NOVA também é contra o machismo e apoia essa campanha!

Editoras da NOVA se unem ao protesto #NãoMereçoSerEstuprada
Foto:Cristiane Lacerda 

No dia 27 de março, o Ipea, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, divulgou o resultado de uma pesquisa sobre a opinião dos brasileiros em relação à violência contra a mulher que surpreendeu e causou revolta. Nela, 65% dos participantes responderam que mulher que usa roupa curta merece ser atacada –  e, ainda mais chocante, mais da metade dos entrevistados são mulheres.

Pensando nisso, a jornalista Nana Queiroz criou a campanha #NãoMereçoSerEstuprada, estimulando mulheres a postarem fotos com pouca (ou nenhuma) roupa contra essa opinião machista. “A pesquisa me incentivou a começar esse movimento. Achei ultrajante. Pior: a maioria dos entrevistados eram mulheres. Queria dizer a elas que, para mim, elas são as maiores vítimas do machismo, pois nem se sentem no direito de ter uma opinião pessoal, repetem a do opressor. Queria dizer a elas que são as únicas donas de seu corpo e que poderiam fazer o que quiserem com ele sem nunca, nunca merecerem ser atacadas”, disse Nana com exclusividade a NOVA. Nem todo mundo foi a favor da iniciativa, e a jornalista chegou a receber ameaças pela internet. “Recebi centenas de mensagens pelo Facebook, privadas ou não, a maioria de violência sexual, ameaças de estupro, gente dizendo que sabe onde trabalho… Todo esse ódio não me tirou a coragem, continuarei defendendo aminha causa”, contou. 
 

"Não Mereço Ser Estuprada": Campanha ganha força entre homens e mulheres

Nana adere ao protesto
Foto: Acervo Pessoal 

Para não deixar o movimento se perder, jornalista Matita Iazzetta, de São Paulo,  criou um Tumblr com o nome da campanha, reunindo as fotos marcadas com a hashtag #NinguémMereceSerEstuprada. “Recebemos umas 700 fotos, cerca de 30%de homens. Por enquanto, só consegui postar 150 delas. Desde sexta no final da tarde, quando a página foi criada, já recebemos mais de 100 mil visitas”, diz.

"Não Mereço Ser Estuprada": Campanha ganha força entre homens e mulheres

Matita  também protesta
Foto: Acervo Pessoal 

Famosas como Valesca Popozuda e Daniela Mercury também postaram seus cliques de apoio nas redes sociais. Aqui em NOVA, nossas editoras tiraram a camisa e apoiaram a causa. Afinal, a culpa pelo estupro nunca, jamais, é da mulher, esteja ela de minissaia, top, burca ou até mesmo nua. A culpa é apenas de uma pessoa: do estuprador.
 

"Não Mereço Ser Estuprada": Campanha ganha força entre homens e mulheres

Famosas aderem a campanha 
Foto: Reprodução/Internet

.#NãoMereçoSerEstuprada #NinguémMerece #ChegadeMachismo

ATUALIZAÇÃO

Os dados da pesquisa do Ipea sobre violência contra a mulher estavam ERRADOS, anunciou o órgão em nota oficial na tarde do dia 4 de abril. Diferente do que havia sido divulgado na semana anterior, um quarto (26%) e não 65% dos entrevistados concorda com a afirmação de que mulheres que andam com pouca roupa merecem ser atacadas. Ainda assim, essa e outras respostas continuam comprovando a força do machismo na sociedade brasileira. Um exemplo: 58,5% dos pesquisados concorda com a ideia de que se as mulheres soubessem como se comportar, haveria menos estupros. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s