Ex-escrava é a primeira mulher a estampar uma nota de dólar

A abolicionista substitui a figura de um dos presidentes americanos e ganha reconhecimento 103 anos após sua morte.

Agradecer e homenagear as mulheres que começaram a lutar pelos direitos femininos lááá atrás também faz parte da agenda feminista. E o mais novo exemplo é o de Harriet Tubman, americana que nasceu escrava, se libertou do sistema, batalhou para dar liberdade a outros negros e ainda defendeu o direito da mulher ao voto. Tudo isso no começo do século passado. A boa notícia é que agora Harriet será a primeira mulher a estampar uma nota de dólar do s EUA.

Um funcionário do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos informou que o seu rosto estará impresso da nota de vinte dólares, substituindo o presidente Andrew Jackson. A ação faz parte da campanha “Women on 20s”, que começou pela internet em 2015. A abolicionista reuniu mais de 600 mil votos em seu favor para ter o rosto na cédula americana — derrubando, por exemplo, a ex primeira-dama Eleanor Roosevelt

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s