Tessa Thompson, de Westworld, é apaixonada pelo cinema independente

A atriz já participou de grandes produções como Selma, Thor: Ragnarok e Creed, mas não abre mão de trabalhar em produções menores.

Tessa Thompson, que faz parte do elenco da série Westworld da HBO, trouxe ao Tribeca Film Festival seu projeto Little Woods, em parceria com a escritora e diretora Nia da Costa que recebeu o prêmio Nora Ephron do festival de cinema.

 

Em meio a correria do festival, e das gravações do filme Creed II, Tessa contou para a COSMO sobre a sua fascinação por projetos menores. “Estamos no meio das filmagens. Passei a noite em claro filmando, e vim direto para o festival comemorar a estreia do nosso filme”, disse.

 

Você está neste projeto desde os primeiros passos, como surgiu essa colaboração?

Eu e a Nia fizemos um workshop com o enredo nos laboratórios de Sundance que ajuda novas produções. Lá ficamos amigas e me tornei uma colaboradora do filme. O processo todo foi um trabalho de amor mesmo, porque não sabíamos se iria sair do papel ou não.

Depois de todo o trabalho, como você vê este lançamento? É a primeira vez que o público vai ver o filme.

É impressionante, sabe? Sei que soa cliché, mas esse é um filho nosso que estamos jogando para o mundo e esperamos que as pessoas sejam boas com ele [risos]. Por enquanto não posso reclamar, tem sido ótimo. Os críticos fizeram barulho sobre o filme e o público parece animado em relação a ele.

Qual a diferença em trabalhar em uma produção como o Westworld e em filme independente?

É uma linguagem diferente. E isso que é o legal da indústria. Amo fazer o que faço. Comecei minha carreira em filmes independentes e antes disso fazia teatro. Às vezes, tenho que me beliscar para acreditar que estou tendo estas oportunidades de fazer o meu trabalho em todos estes estilos diferentes.

 

O que te atrai em projetos independentes?

Amo como essas produções menores fazem com que sejamos uma comunidade. Estamos todos no mesmo barco, e realmente colaborando para fazer com que o projeto dê certo. Eu amo isso e sempre vou querer voltar enquanto essa indústria me quiser.

 

Como é a experiência de trabalhar em um primeiro projeto de uma diretora?

Tive muita sorte na minha carreira ao trabalhar com diretores em seus primeiros projetos. É uma experiência muito legal vê-los descobrindo a sua visão e como cada um aborda a direção. Aprendi muito e gosto de pensar que estou ajudando de alguma forma a trazer novas vozes e pontos de vista para a indústria.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s