Como o iPhone mudou o mundo nos últimos 10 anos

Hoje (12/9) a marca deve lançar mais um modelo de celular

Parece que foi ontem que passamos a carregar a internet, e toda a nossa vida resumida, nos bolsos. Mas o lançamento do primeiro iPhone rolou em 2007. Desde então se passaram 10 anos e os smartphones, não só o dessa marca, mudaram completamente a forma como a sociedade se comporta a consome conteúdo na última década.

O iPhone não foi o primeiro smartphone a chegar ao mercado, mas sem dúvida, hoje é um dos mais populares. Tanto que o universo da tecnologia espera ansiosamente o anuncio de sua nova versão. Você já parou para analisar como essa tecnologia mudou sua vida? O site americano Recode fez uma lista do impacto desse produto na sociedade nos últimos anos, e destacamos os principais pontos aqui:

1.O iPhone colocou o a internet no bolso de todo mundo

Cada vez menos os computadores de mesa são utilizados. Quando podemos ver e-mails, redes sociais, vídeos e fazer compras pelo celular, ter uma máquina ocupando espaço em casa perde o sentido. Sem contar as facilidades que estar sempre conectadas nos traz nos dias de hoje.

2.O iPhone mudou o modo como nos comportamos em relação a fotografia

Com câmeras cada vez mais evoluídas, tirar fotos deixou de ser algo limitador. Não precisávamos mais dos filmes e nem de um outro aparelho para fazer cliques de forma amadora com alta qualidade. A versão 7 Plus, por exemplo, tem três câmeras, para melhorar a qualidade e as cores das fotografias.

3.A App Store mudou a maneira como software são distribuídos

A App Store foi lançada em 2008 com 500 aplicativos. Hoje, a Apple disponibiliza para seus usuários mais de 2.1 milhões de apps — a concorrente, Google Play, tem 3.4 milhões à disposição. Hoje acessamos o banco, pedimos taxis, compramos ingressos para shows e cinemas — e só apresentamos o celular na entrada — tudo pelo aparelho. Consegue imaginar sua vida sem os aplicativos?

4.Mudamos a maneira como nos relacionamos

Ter um iPhone, ou qualquer outro smartphone hypado, se tornou uma obsessão popular — o que não é necessariamente algo bom. Hoje dificilmente vamos conseguir ver amigos em uma mesa do bar que não estejam com o celular na mão, olhando as novidades e redes sociais, em vez de conversando com aqueles que estão ali pertinho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s