Garoto de 10 anos ajuda a mãe a dar à luz em parto prematuro

Recém-nascido nasceu sem respirar e a mulher teve sangramento intenso na hora do parto.

 

Você já pensou como seria se seu parto tivesse sido feito pelo seu irmão mais velho? Essa é a história de Daxx Fontefont.

Ashly estava grávida do garotinho quando sua bolsa rompeu no banheiro da sua casa, no dia 11 de agosto, com quase seis semanas de antecedência. Em choque, ela viu os pezinhos do bebê saindo pelo seu corpo, o que já era preocupante, uma vez que quando uma mulher dá à luz, a cabeça do recém-nascido deve ser a primeira coisa a ser vista.

Sem o noivo em casa para ajudá-la, Ashly gritou pelo seu filho mais velho, Jayden, dizendo a ele para falar com a avó, que ligou para a emergência, mas não pôde fazer mais do que isso devido a uma cirurgia na coluna feita recentemente. Segundo a revista People, Jayden então disse: “Me diga o que eu preciso fazer. Eu faço”.

“Eu estava chorando, mas queria permanecer calma e contida“, disse Ashly, que também é mãe de uma menina de 11 meses. “Jayden estava tão calmo, o que me acalmou. Podia ver que ele estava assustado, mas sabia que precisava fazer aquilo“.

 

Parto de urgência

 (Reprodução/Daily Mail)

 

O garoto, de 10 anos, sentou-se ao lado da mãe e pegou o irmão mais novo pelos pés e com a ajuda da mãe, mudou a posição do bebê. “Eu tive que puxá-lo pelas pernas — nada forte, com muita calma“, revelou ele.

Como se a situação não fosse perturbadora o bastante, o recém-nascido não estava respirando e Ashly estava com um sangramento intenso, consequência do parto prematuro. Para resolver o primeiro problema, Jayden pensou rápido e usou um aspirador nasal para bombear o pulmão do bebê, o que o fez voltar a respirar. E, logo depois, os paramédicos chegaram para ajudar a mãe.

Os profissionais disseram que Jayden teve um ato heroico e se não fosse ele, tanto Ashly, como Daxx, poderiam ter morrido devido as complicações do parto.

“Toda vez que penso sobre isso, apenas choro. Não acho que o Jayden entende o que ele fez ou o quão importante é. Digo para ele: ‘você sempre terá um laço especial com o seu irmão’. Eu estou tão orgulhosa dele. Ele salvou as nossas vidas.”

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s